CAÇÃO AO MOLHO DE VINHO BRANCO


A receita que trago hoje me foi apresentada como originária da Austrália e preparada com tubarão. Como esta não é uma carne que encontramos em qualquer peixeiro, decidi preparar uma versão com cação, que me parecia mais se assemelhar àquele. Assim foi feito e a delicadeza do peixe, combinada com um molho refinado, preparado à base de manteiga, cebola, creme de leite e vinho branco, resultou num prato saboroso e leve. Uma ótima sugestão para as noites ainda quentes deste início de outono. 

Mas a minha surpresa ao preparar este post foi descobrir a diferença entre as duas carnes: nenhuma. Tubarão e cação são exatamente o mesmo animal. Cação-anjo é o mesmo que tubarão-anjo e cação-martelo é o mesmo que tubarão-martelo, por exemplo. As pessoas costumam chamar de cação os tubarões pequenos, que são comercializados para o consumo de pescados, e usam a palavra tubarão para designar os animais maiores. "Biologicamente, não existe nenhuma diferença. A diferença é muito mais psicológica: cação é o que comemos e tubarão é o que come a gente", afirma o biólogo Otto Bismarck Gadig, da Universidade Estadual Paulista (UNESP), um especialista em tubarões. A palavra cação veio para o Brasil trazida pelos portugueses e foi citada inclusive na famosa carta que o escrivão Pero Vaz de Caminha mandou ao rei de Portugal, contando as novidades das novas terras descobertas pelos portugueses no ano de 1500. 

Portanto, vamos apreendendo e cozinhando ou vice-versa. Agora, à receita

INGREDIENTES

  • 3 postas de cação
  • 2 colheres de azeite extra virgem
  • 2 cebolas médias picadas em cubos
  • 3 dentes de alho
  • 1 colher de manteiga sem sal
  • 1 xícara e meia de chá de vinho tinto branco seco (ou Martini Dry)
  • 200 g de creme de leite
  • Salsa e cebolinha picadas
  • Sal e pimenta do reino à gosto

PREPARO

Tempere o peixe apenas com sal e pimenta moída. Numa frigideira grande, esquente uma colher de azeite extra virgem e grelhe os filés de ambos os lados. Reserve. Atenção, se o peixe esteve congelado, deixe-o um pouco no fogo para soltar o excesso de água, descarte e regue com um fio de azeite para voltar a grelhar.

Nessa mesma frigideira, frite por dois minutos as cebolas picadas e os destes de alho amassados com uma colher de manteiga sem sal. Acrescente uma xícara e meia de chá de vinho branco seco ou  Martini Dry (uma opção ainda mais suave). Abaixe o fogo e deixe que cozinhe por aproximadamente dez minutos. 

As cebolas, combinadas com o vinho, em fogo baixo vão formar uma calda cor de caramelo. Com o auxílio de uma escumadeira, recolha os pedacinhos de cebola, e deixe na frigideira somente o caldo  “caramelo”. Acrescente 200g de creme de leite, sal e mexa cuidadosamente. Acomode os filés de cação na frigideira, deixe que cozinhe (ainda em fogo baixo) por cinco minutos. Por fim, salpique a salsa e a cebolinha picadas finamente. 

Acomode as cebolas no fundo de uma travessa, coloque as postas, o molho e sirva imediatamente. Como acompanhamento sirva arroz branco e salada.

0 comentários: